21 885 47 30 | geral@forum.pt

Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE) distingue mais de 30 trabalhos elaborados por jovens. Escrita, fotografia e vídeo são algumas das categorias incluídas. 

Este concurso nacional esteve aberto a todos os jovens a partir dos 11 anos (integrados num grupo escolar ou como freelancers). Foram considerados quatro escalões etários: 11 a 14 anos; 15 a 18 anos; 19 a 25 anos e maiores de 25 anos (JRA Alumni). 

Os trabalhos consistem em reportagens inéditas, nas modalidades de esrita, fotografia e vídeo, que "trabalhem a temática do desenvolvimento sustentavel", informa a ABAE, no seu website. Foram ainda submetidos trabalhos de fotografia e vídeo na modalidade "Campanha", ligada à comunicação. 

Podes consultar a lista de trabalhos vencedores aqui: https://jra.abae.pt/2019-concurso-nacional-melhores-reportagens-jra/premiados/

 

Um dos trabalhos premiados, da autoria do estudante Luís Martins

 

A comunidade de estudantes e professores envolvidos ou interessados no projeto Jovens Repórteres para o Ambiente vai agora reunir-se, de 8 a 10 de novembro, em Ílhavo, no Seminário Nacional JRA 2019. 

A partilha de objetivos e troca de experiências, o debate das estratégias e metodologias do projeto, bem como o reconhecimento dos melhores trabalhos do ano são alguns dos objetivos estabelecidos.

 

 

 

 

As inscrições estão abertas e podem ser feitas através deste formulário

 

Pub Study Abroad Portugal
Pub Megafinalistas
Pub Lisboa Games Week
Últimas - Escolas
Escolas
10 Outubro 2019

Feira da Saúde, Bem-Estar e Turismo 2020 (FSBT 2020) desafia escolas e estudantes de todos os ciclos da escolaridade obrigatória a produzir "o melhor vídeo e a melhor criação (fotografia, desenho ou maquete) realizados a partir de lixo marinho. 

Escolas
04 Outubro 2019

A Escola Básica de S. Domingos Jardo, em Mira-Sintra, foi a primeira instituição a aderir ao pré-aviso de greve do Sindicanto de Todos os Professores (STOP), um protesto que abrangerá todo o País.

Escolas
03 Outubro 2019

A Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu do Instituto Politécnico de Viseu IPV) foi distinguida pela primeira vez com a Bandeira Verde do programa Eco-Escolas, tornando-se uma das primeiras instituições de Ensino Superior em Portugal a quem é outorgado tal reconhecimento de boas práticas ambientais.