O Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) acaba de registar o número mais elevado deste triénio no que se refere aos candidatos às provas de acesso ao concurso especial Maiores de 23 (M23), cujo prazo de submissão terminou a 15 de maio. Um total de 523 pessoas, mais 65 do que em 2019-2020, manifestaram o seu interesse em ingressar no ensino superior através do IPS, o que perfaz um aumento de 14 por cento.

"Num ano verdadeiramente atípico e num período em que as pessoas estavam focadas num quadro nacional e mundial de pandemia, o IPS apostou em mostrar como a valorização pessoal e profissional de cada um pode ajudar a vencer as adversidades com que o mundo nos confronta. O recurso a sessões online de esclarecimento e apoio às candidaturas permitiu chegar a um maior número de candidatos, quando comparado com os anos anteriores. O IPS pondera manter este formato em anos futuros", considera Ângela Lemos, vice-presidente do IPS para os Assuntos Académicos e Aprendizagem ao Longo da Vida.

 

Instituto Politécnico de Setúbal

Instituto Politécnico de Setúbal

 

Também para a responsável, "a aproximação a um público muito específico e especial para o IPS permitiu a contínua afirmação da formação do instituto na região, bem como um acentuado crescimento da procura dos nossos cursos".

Recorde-se que o M23 é uma modalidade especial de ingresso no ensino superior que permite a admissão nas licenciaturas e Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CTeSP) do IPS, independentemente do nível de habilitações académicas, representando uma importante oportunidade de qualificação em idade adulta, para ganhar novas competências, evoluir como profissional, ousar outros rumos no mundo do trabalho ou cumprir projetos de vida que ficaram suspensos.